Reflexões e compartilhamento de conteúdo psi
ARQUIVO | AUTORXS
Valéria Lisondo

Valéria Lisondo

( 4 Posts )

Valéria Lisondo tem uma formação híbrida e atua fundamentalmente em dois campos: o da clínica e o das Organizações Familiares (www.institutolisondo.com.br) . É psicóloga pela PUC-SP com MBA em Administração de Empresas pela FGV - SP e ESADE - Barcelona (CEAG). A sua matriz é a Psicanálise. Também participou do programa " Leading the Family Business" ( IMD - Lausanne). É colaboradora do GEEF ( Grupo de Estudos em Empresas Familiares do FGV- Law)e membro do NESME - Núcleo de Estudos em Saúde Mental e Psicanálise das Configurações Vinculares. Atualmente debruça-se sobre a questão do Legado e da transmissão psíquica. valeria.lisondo@gmail.com

REFLEXÕES ACERCA DA INSTITUIÇÃO FAMÍLIA; DO BRASIL E DA ATUALIDADE: UM ENSAIO | Valéria Lisondo

Há tempos a questão acerca da noção da Família tem me intrigado. Por um lado, o esforço em estudar o tema da transmissão psíquica direcionou meus esforços a debruçar-me no tema de cadeias geracionais e de como os grupos familiares se situam nesse continuum de tempo acomodando a ...

Há tempos a questão acerca da noção da Família tem me intrigado. Por um lado, o esforço em estudar o tema da tran...

DEVANEIOS COM BARTLEBY: “ACHO MELHOR NÃO” – TÉDIO E CANSAÇO NA CLÍNICA | Valéria Lisondo

Durante a minha graduação tive o privilégio de ser aluna da Professora Camila Pedral Sampaio (In Memorian). Não me lembro exatamente o título da disciplina, mas a questão da Pesquisa em Psicanálise era um eixo central de suas aulas. Com entusiasmo, Camila  compartilhava ideias sobr...

Durante a minha graduação tive o privilégio de ser aluna da Professora Camila Pedral Sampaio (In Memorian). Não me l...

PARA PHILIP ROTH – SUJEITOS DE HERANÇAS E “PATRIMÔNIO” | Valéria Lisondo

Borges diria que é de tempo a substância de que somos feitos. Outros ressaltariam a centralidade das pulsões nessa definição. E há ainda os autores que destacam: somos sujeitos de heranças. A psicanálise é arcabouço vasto no qual cabem inúmeros matizes; recortes e nuances na man...

Borges diria que é de tempo a substância de que somos feitos. Outros ressaltariam a centralidade das pulsões nessa de...

SOBRE PACIÊNCIA, MORADA E TRANSMISSÕES | Valéria Lisondo

"Tudo que não invento é falso" Manoel de Barros É de paciência que se faz o ofício da clínica. É de compromissos sofisticados: por um lado a exigência com os conhecimentos; leituras; estudos. Por outro a lúcida consciência da nossa limitação para absorver a profusão de autore...

"Tudo que não invento é falso" Manoel de Barros É de paciência que se faz o ofício da clínica. É de compromissos...